sexta-feira, 24 de março de 2017

* * * * * * * 14ª Caminhada da Época 2016 / 2017 * * * * * * ____Fortes das Linhas - Ponte do Rol . Dia 22 de Março____




Álbuns de Fotografias:
Céu Fialho
Dores Alves
Luis Martins
Data do encontro: 22 de março
Local: Torres Vedras - Ponte do Rol
Percurso: 9 kms em 03h00
Caminhantes: (26) Acilina; Ana Cristina Umbelino; Angelina Martins; Carlos Evangelista; Carlos Penedo; Cidália Marta; Clara Maia; Dores Alves; Fortunato de Sousa; Gilberto Santos; Graça Sena; José Clara; Josefa Carrasco; Júlia Costa; Lúcio Libânio; Luis Fernandes; Luis Martins; Manuel Garcia; Manuel Reis; Maria do Céu Esteves; Maria do Céu Fialho; Margarida Lopes; Margarida Serôdio; Rogério Matias; Rosa Maria; Vítor Gonçalves.
Só ao almoço: (24) Ana Leão; António Clemente; António Miranda; António Carvalho; António Pires; Carmen Firme; Estela Garcia; Fernando Couto; Gil Furtado; João Duarte; João Figueiredo; Kinita de Sousa; Lina Fernandes; Lurdes Clara; Luisa Clemente; Manuel Barbosa; Maria de Fátima Libânio; Maria da Luz Fialho; Miguel Cardoso; Octávio Firme; Odete Vicente; Pedro Albuquerque; Teresa Palma; Virgílio Vargas
Organizadoras: Ana Cristina Umbelino; Clara Maia; Júlia Costa; Margarida Lopes
Almoço: Restaurante "Trás d´Orelha"
Próxima Caminhada: 5 de Abril - Jamor (Avós e Netos) - organiza Fortunato de Sousa e Kinita de Sousa
Reportagem: Não tendo sabido as organizadoras contratualizar com o S. Pedro um belo dia para esta caminhada, ele, desapontado, vai daí oferece-lhe chuva torrencial e vento logo para o início, afugentando, assim, metade dos caminhantes que entenderam não entrar nesta aventura. Nem a fotografia de grupo foi tirada antes da partida como vem sendo habitual, tal o grau de pluviosidade. Os 26 mais corajosos, após os 9kms percorridos pelos terrenos rurais lamacentos, botas e roupa mudadas, lá se juntaram aos restantes, debaixo agora de um sol tímido, rumo a Benfica para se deliciarem com o belo repasto que os donos do restaurante "Trás d´Orelha" tão carinhosamente para nós prepararam e para quem vai um sentido agradecimento.
Durante o almoço animado, com a presença desta vez de 3 convidados, numa sala dedicada exclusivamente ao grupo, cantaram-se os parabéns, em modo alentejano, à Acilina, a quem agradecemos os deliciosos bolos e o champanhe. Todos dali saíram rumo ao Convento do Varatojo com um miminho saloio, a colocar na mochila ou na lapela, para mais tarde recordarem.
No Convento, já recompostos do mau tempo, devidamente saciados e cientes do local de culto, a atenção foi totalmente direcionada para a "aula" que o Frei Hermínio tão afavelmente nos proporcionou.
Apesar das interessantes questões em debate, a hora do lanche aproximava-se e a conversa foi passando para a sala onde nos esperavam os bules, o chá e os bolinhos secos, oriundos das melhores pastelarias da cidade para que os prezados caminhadeiros saíssem de mais uma estadia na Zona do Oeste de estômago e alma reconfortados.
Sem o apoio da funcionária Ângela e do estagiário Gonçalo Raposo, do Turismo, que, mesmo no seu dia de folga, fizeram questão de connosco partilhar o percurso a percorrer, não seria possível esta caminhada. Por isso, para ambos, vai um agradecimento muito especial pela amabilidade, simpatia e profissionalismo;
Um agradecimento também muito especial para o Frei Nickolas que nos recebeu no Convento do Varatojo e que tão bem entendeu o que pretendíamos indicando-nos o Frei Hermínio a quem agradecemos receção tão calorosa.
E por fim um agradecimento a todos os caminhadeiros presentes e em particular às minhas companheiras torrienses que tanto se empenharam para que tudo resultasse em sucesso.
Saudações caminhadeiras
Júlia Costa

quarta-feira, 15 de março de 2017

*** Convocatória . 14.ª Caminhada da Época 2016/2017 *** Fortes das Linhas - Ponte do Rol, dia 22 de março

As meninas de Torres Vedras têm o prazer de convidar os prezados amigos caminhadeiros para a 14.ª caminhada da época 2016/2017, que se irá realizar em plena zona rural, com início na aldeia da PONTE DO ROL.
O percurso terá cerca de 10 km, com índice de dificuldade MÉDIO, aconselhando-se, contudo, o uso do bastão e do colete.

Programa:
09.15: Concentração no PARQUE VERDE DA PONTE DO ROL - (Coordenadas GPS - .N39.090023, W9.321504) 
09.30: Início da caminhada 
13.30: Almoço  no restaurante "Trás d´Orelha" (261 326 018 / 96 30 10 957 - Estrada Nacional n.º9, Casal de Sant´Anna, 17 -Benfica) 
15.30: Visita Cultural ao CONVENTO DO VARATOJO (261 330 350), onde, às 17.00 tomaremos o nosso lanche, em ambiente bucólico, neste MONUMENTO NACIONAL, classificado como tal desde 1910.

Deverão agora as inscrições ser efectuadas até ao final do dia do próximo Domingo 19

P.S. Para quem pretender tomar o pequeno almoço ou o cafezinho da manhã, poderá fazê-lo  nos cafés no centro da aldeia

Saudações caminhadeiras

Júlia Costa

domingo, 12 de março de 2017

* * * * * * * *13ª caminhada da Época 2016 / 2017* * * * * * * _Pelos Trilhos do Almourol e Barquinha . Dia 08 de Março_




Album de Fotos:
Dores Alves
Fortunato de Sousa
Carlos Evangelista
Carlos Evangelista (Video - Dia das Mulheres)
Luis Martins
Data do Encontro: 08 de Março
Local: Almourol
Percurso: Pelos Trilhos de Almourol e Barquinha – 09,500 kms – 02:40 horas
Caminhantes: (40) Acilina; Amilcar Queiróz; Ana Cristina Umbelino; Angelina Martins; António Palma; António Pires; Carlos Evangelista; Carlos Penedo; Cidália Marta; Chico Pires; Clara Maia; Dores Alves; Estela Garcia; Fátima Libânio; Fortunato de Sousa; Gilberto Santos; Ilda Poças; João Duarte; João Figueiredo; Júlia Costa; Kinita de Sousa; Lina Fernandes; Lúcio Libânio; Luís Fernandes; Luís Martins; Luís Santos; Luísa Clemente; Manuel Barbosa; Manuel Flôxo; Manuel Garcia; Manuel Reis; Margarida Lopes; Margarida Serôdio; Odete Vicente; Pedro Albuquerque; Rogério Matias; Samuel Coias; Vítor Gonçalves; Zé Clara; Zélia Santos;
Só ao Almoço: (6) António Clemente; Carmen Firme; Gil Furtado; Helena Meleiro; Octávio Firme; Virgílio Vargas.
Organizadores: Lurdes Clara e Zé Clara
Almoço: “Restaurante O Almourol”
Próxima Caminhada: 22/03/2017 (Organiza: Ana Cristina Umbelino, Clara Maia, Júlia Costa e Margarida Lopes)
Reportagem:
Manhã primaveril em Almourol para receber os 40 Caminhadeiros que responderam ao convite da Lurdes e do Zé Clara, para participarem na 13ª caminhada da época, também conhecida como a caminhada da Lampreia e do Sável.
As viaturas iam chegando ao parque de estacionamento do restaurante “O Almourol”, e os participantes cumprimentavam-se euforicamente, dando sinais do bom ambiente que o grupo respira em cada 2 semanas. Como desta vez havia bar aberto, lá fomos tomar a tradicional bica ou café da manhã, para aquecer e estimular o físico e a mente.
E como o 8 de Março era uma data especial para as mulheres, algumas Caminhadeiras mais exigentes ou sensíveis ao significado do dia, reclamavam aos Caminhadeiros presentes uma atenção e uma atitude consonante com o que em seu entender julgavam merecer.
-Tenham as mulheres paciência, que há-de chegar a altura ou a vossa hora de serem compensadas, ripostavam os Caminhadeiros Mores.
Já com o grupo formado e preparado para a fotografia do costume, ouvimos do organizador uma breve descrição do programa do dia, que ele e a sua Lurdes tinham preparado para nos receber. De seguida sim, o fotógrafo de serviço Luís Martins, recolheu a imagem que perpetuará mais uma visita e uma passagem dos Caminhadeiros por estas bonitas terras ribatejanas.
Seguiu-se o percurso pedestre ou caminhada, que veio de encontro em termos de dificuldade, às expectativas que os organizadores nos tinham transmitido. O Sol aberto e a paisagem à beira Tejo complementavam um cenário deslumbrante, que irá ser reflectido nas imagens que os fotógrafos de serviço recolheram amiúde.
Finda a caminhada, chegava finalmente a hora de ser reconhecida à Mulher ou Caminhadeiras presentes, aquilo a que elas mui merecidamente se julgavam ter direito. E, para que não houvesse dúvidas, mais uma vez os Caminhadeiros Mores não deixaram os seus créditos por mãos alheias. À entrada da porta do jardim que dava acesso ao restaurante, foram entregues a cada participante do género feminino, uma bonita tulipa de cores amarela ou vermelha.
Nesta altura já se tinham juntado a nós os participantes que só vinham almoçar e que estão mencionados no cabeçalho desta reportagem.
Veio de seguida o almoço, que satisfez quanto baste as exigências dos participantes.
Também aqui, tivemos mais umas quantas demonstrações de generosidade e simpatia por parte dos seguintes Caminhadeiros:
O casal organizador Lurdes e Zé, ofereceram um pão caseiro aos participantes no evento;
O Carlos Evangelista ofereceu a cada participante, um novo pin referente à caminhada de Carcavelos, que segundo as suas palavras, veio repôr a qualidade do anterior;
Finalmente, o senador Gil Furtado, depois de uma breve/prolongada explicação da sua magna atitude, ofereceu também a cada “Mulher” uma flor de nome Margarida, que muito as sensibilizou.
Do programa do dia constava agora a visita ao “Centro de Ciência Viva de Constância”. E aqui, meus senhores, em minha opinião, foi talvez a visita cultural mais interessante da nossa já longa actividade caminhadeira. Não só pela complexa área da ciência que lhe está envolvida, mas também pela elevada competência e capacidade de comunicação por parte dos interlocutores. Ao Professor Máximo Ferreira e ao Engenheiro Nuno Milagaia os nossos agradecimentos pela excelente aula de Astronomia que deles recebemos nesta visita. Também o nosso obrigado ao senhor vereador da Câmara de Constância António Luís Mendes, que tão dignamente nos recebeu.
Terminámos a 13ª aventura caminhadeira da época, com o tradicional chá de final de dia, tomado no mesmo local do almoço.
Não fôra os quatro a zero com que uns tais Borussias alemães de Dortmund brindaram o meu Benfica, e todos tinha-mos terminado o dia felizes e contentes da vida. Tôu a falar bem João Duarte?
Saudações Caminhadeiras em passada já atrasada e lenta à moda do meu Alentejo,
Fortunato de Sousa

quarta-feira, 1 de março de 2017

* * * Convocatória . 13ª Caminhada da Época 2016/2017 * * * Pelos Trilhos do Almourol e Barquinha . Dia 08 de Março

Estão os nossos amigos Caminhadeiros convidados para a 13ª Caminhada da época 2016/2017, que se irá realizar na zona de Almourol e Vila Nova da Barquinha.
O percurso será de cerca de 10 Kms com índice de dificuldade médio baixo.
O Restaurante "O Almourol" foi mais uma vez o seleccionado para degustarmos um dos seguintes pratos:

1- Arroz de lampreia
2 - Sável frito com açorda de ovas
3 - Lombinhos de porco com migas de couve, arroz de feijão e batata a murro
4 - Favas com entrecosto

A quem aceitar o nosso convite, desde já agradecemos que façam a sua inscrição até ao final do próximo Domingo dia 5, devendo mencionar qual o almoço.
PROGRAMA:
09:15h: Concentração no Parque de estacionamento do Restaurante "O Almourol" 
Coordenadas GPS: N 39º 27' 29.3400" W 08º 24' 03.3618"
09:45h: Inicio da caminhada
13:00h: Almoço
15:30h: Visita Cultural ao Centro Ciência Viva de Constância
Coordenadas GPS: N 39º 29' 41.38" W 08º 19' 25,87"
17:00h: Chá
No dia da Caminhada, o Restaurante "O Almourol"  vai estar aberto a partir das 09:00h de modo a poder servir pequenos almoços e café.

Saudações Caminhadeiras

Lurdes/Zé Clara

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

* * * * * * *12ª caminhada da Época 2016 / 2017* * * * * * * "Queres Brincar Comigo" . Torres Vedras . Dia 22 de Fevereiro



Álbuns de Fotografias:
Céu Fialho
Raul Almeida
Luis Martins
Lúcio Libânio (Videos)
Dores Alves
Luz Fialho
Carlos Evangelista (Video)
Carlos Evangelista
Data da Caminhada: 22-02-2017
Local: Torres Vedras
Percurso: Rota do Varatojo - 09,0 kms em 02h30
Caminhantes: (36) Ana Cristina Umbelino; Angelina Martins; Barbosa; Carlos Evangelista; Carlos Penedo; Cidália Marta; Clara Maia; Dores Alves; Estela Garcia; Fátima Libânio; Fortunato de Sousa; Gilberto Santos; Graça Sena; Ilda Poças; João Figueiredo; José Clara; Júlia Costa; Kinita de Sousa; Lina Fernandes; Lúcio Libânio; Luís Fernandes; Luís Martins; Luísa Gonçalves; Lurdes Clara; Manuel Garcia; Manuel Pedro; Manuel Reis; Maria do Céu Esteves; Miguel Cardoso; Odete Vicente; Pedro Albuquerque; Raul de Almeida; Rogério Matias; Rosa Silva; Samuel; Vítor Gonçalves;
Só ao Almoço: (2) Maria do Céu Fialho; Maria da Luz Fialho.
Organizador: Rogério Matias
Almoço: Restaurante “O Voluntário”
Próxima Caminhada: Dia 8 de Março em Almourol (orgniza Lurdes Clara e Zé Clara).
Reportagem:
Aos vinte e dois  dias  do mês de Fevereiro de 2017 realizou-se em Torres Vedras a caminhada nº12 do grupo dos caminhadeiros com o titulo “Queres Brincar comigo?”, tendo como organizador o caminhadeiro Rogério Matias.Contou com a presença de 39 participantes com o seguinte programa:
·         9h11 Concentração na Expotorres (mesmo local do ano passado)
·        9h30 Sessão de Boas vindas pela Drª Ana Umbelino do pelouro da cultura da CMTV
·         9h40h Início da caminhada
·        13h05 Almoço no Restaurante (frente ao Tribunal)
·        15h00 Viagem em comboio Turístico ao estaleiro dos Carros Carnavalescos, visita ao                   Monumento
·        17h10 Chá.

Depois da sessão de Boas vindas dada pela Drª Ana Umbelino, vereadora do pelouro da cultura da camara municipal de Torres Vedras, iniciamos a nossa caminhada. Estava uma manhã fria mas de uma claridade deslumbrante e com um leve toque a Primavera com lindas paisagens e vistas magnificas da cidade de Torres Vedras. Percorremos 9Km com um grau de dificuldade baixo. Mais uma vez S. Pedro esteve connosco assim como tem estado em todas as minhas caminhadas. Obrigado S. Pedro por seres generoso comigo.

Chegou a hora do repasto, no restaurante “O Voluntário” que apresentou um serviço muito eficiente e simpático, cujo ”menú” agradou a  todos.  
Após o almoço, fomos agraciados com a companhia do nosso já conhecido  guia cultural Paulo Ferreira  que nos levou aos bastidores da concepção   dos carros alegóricos que desfilam no corso do Carnaval de  Torres Vedras. A viagem até ao local estava prevista ser em comboio Turístico mas devido ao frio que se fazia sentir, optou-se por autocarro cedido pela CMTV.
Depois vistamos o monumento Ex libris do Carnaval de Torres Vedras (O Carnaval mais português de Portugal) situado na Praça do Império, onde foi feita uma foto de grupo.
Voltamos ao restaurante para o merecido chá, muito bem servido segundo a opinião de todos e reforçado com duas tartes uma de pastel de feijão e outra de grão, gentilmente oferecidas pela nossa querida colega Ana Cristina por ter sido “Baby“ no passado 31 de Janeiro. Obrigado miga pelo miminho. Procedemos à eleição da melhor fantasia caminhadeira carnavalesca, uma escolha difícil devido ao elevado nível de todas elas . Todos os foliões desfilaram à vez, exibindo a sua fantasia a um notabilíssimo Júri. 1º lugar foi para a Matrafona Atrevidex  Carlos Evangilista,  2º lugar para o Casal La Concórdia Luisa e Vitor e o 3º lugar para Casal Capitão Gancho Lina e Luis Fernandes, Parabéns aos vencedores e a todos os foliões e folionas que poderiam ser todos vencedores. Deu-se por encerrado o dia de convívio e de partilha e todos os caminhadeiros  regressaram às suas casas com a sensação de um dia bem passado..

Vive o melhor de ti
Saudações caminhadeiras
Bem haja a todos
Rogério Matias

Agradecimentos:
·         CMTorres Vedras na pessoa da Drª Ana Umbelino vereadora do pelouro da cultura
·         Paulo Ferreira Guia Turistico da CMTV

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

* * *Convocatória . 12ª Caminhada da Época 2016 / 2017* * * "Queres Brincar Comigo" . Torres Vedras . Dia 22 de Fevereiro


Caros Amigos Foliões Caminhadeiros, desta vez tenho o descaramento de vos convidar a participar na tradicional caminhada do Entrudo ou Carnaval de Torres Vedras.
O que possivelmente irá acontecer neste dia é o seguinte:
Distância:  Ainda por definir
Percurso A: Se chover
Percurso B: Se não chover
Grau de  dificuldade: Todos
Programa:
9h11 - Concentração na Expotorres (mesmo local do ano passado)
9h30 - Sessão de Boas vindas pela Drª Ana Umbelino do pelouro da cultura da CMTV
9h40 - Início da caminhada
13h05 - Almoço no Restaurante (frente ao Tribunal)
15h00 - Viagem em comboio Turístico ao estaleiro dos Carros carnavalescos, se chover visita ao Monumento
17h10 - Chá
Como chegar:
A8
Saída Sul
Na Rotunda dos Cavalos, tomar a direcção Santa Cruz,passando o Supermercado ALDI e  percorrendo 150 metros chegará ao destino.

Deverão agora as inscrições ser efectuadas até ao final do dia do próximo Domingo 19

Saudações Caminhadeiras em passada trapalhona

Rogério Matias  

sábado, 11 de fevereiro de 2017

* * * * * * * *11ª Caminhada da Época 2016 / 2017* * * * * * * Rota do Senhor dos Mártires . Alcácer do Sal . 8 de Fevereiro




Álbuns de Fotografias:
Céu Fialho
Luz Fialho
Luis Martins
Fortunato de Sousa
Carlos Evangelista
Data da Caminhada: 08/02/2017
Local: Alcácer do Sal
Percurso: 13,5 km - 03h30
Caminhantes (36): Acilina Couto, Ana Cristina, Angelina Martins, Antónia Sena, Carlos Evangelista, Carlos Penedo, Céu Fialho, Cidália Marta, Clara Maia, Estela Garcia, Fátima Libânio, Fortunato Sousa, Gil Furtado, Graça Sena, Isabel Forte, João Costa, João Duarte, João Figueiredo, José Clara, Júlia Costa, Lúcio Libânio, Luis Fernandes, Luis Martins, Lurdes Clara, Manuel Barbosa, Manuel Floxo, Manuel Garcia, Manuel Pedro, Manuel Reis, Maria do Céu, Nela Costa, Odete Vicente, Pedro Albuquerque, Quinita Sousa, Teresa Palma e Vítor Gonçalves.
Não Caminhantes (7): Carmen Firme, Lina Fernandes, Luisa Clemente, Luz Fialho, Octávio Firme, Rogério Matias, Tozé Clemente
Organizadores: Carlos  Penedo / Manuel Reis
Almoço: Restaurante Brazão – Alcácer do Sal (tel. 265 622 576)
Próxima Caminhada: Torres Vedras (Organização de Rogério Matias)
Reportagem:
Com todos os caminhadeiros muito pontuais, pelas 09:15 já um dos organizadores, munido de uma geringonça sonora apelava ao ajuntamento para a foto de grupo, com Alcácer do Sal em fundo num belo dia de sol.
Logo a seguir outro dos organizadores ofereceu aos caminhadeiros-mores um colete identificativo, para que o título deixe de ser só de boca e fique escrito que eles existem e são 3. Ideia do Carlos Penedo, produzida e realizada pelo Carlos Evangelista, foi uma homenagem simples que os restantes caminhadeiros aplaudiram.
Deu-se então início à caminhada pela ponte pedonal mas logo a seguir houve uma paragem para cafezinhos, bolinhos e xixizinhos (Oh caminhadeiros e caminhadeiras, aviem-se em casa ou então cheguem mais cedo porque nem sempre é possível ter uma pastelaria no local de partida). E lá se foi a hora prevista de chegada.
Próxima paragem e reagrupamento junto ao Santuário do Senhor dos Mártires, onde ficamos a saber que o Rui Damião não era só guia da caminhada mas também era guia cultural, pois fez no local uma exposição muito interessante sobre a história das várias épocas por que passou o Santuário e sobre a sua arquitectura. Podem rever aqui:
Santuário do Senhor dos Mártires
No resto do percurso passámos por arrozais, pinhais e montado, avistámos cegonhas, íbis, corvos marinhos e até uma pequena cobra e terminámos com regresso ao local de partida. Alguns ficaram logo pelo restaurante, cansados e agastados com a extensão do percurso, mas espero que tenham já recuperado o fôlego e possam resmungar: afinal aquilo até me fez bem…  
No restaurante juntou-se a fome dos que tinham caminhado com a vontade de comer dos que tiveram alta da enfermaria. E foram logo 7: o Octávio a recuperar da prótese, a Luz que está mesmo mesmo a ficar boa, o Tozé muito combalido pelo coice da égua, a Lina por uma quedazita, o Rogério com 36,9º de febre (!) e a Carmen e a Luisa por arrasto. Obrigado por terem vindo e ponham-se todos bons depressa.
O almoço foi no restaurante Brazão e constou de entradas, sopa de peixe com ovo escalfado (bem temperada com ervas alentejanas), açorda com carne de porco, sobremesas variadas (e boas, segundo opinião generalizada), café, xiripiti ‘normal’ de 60 (e lançamento mundial de um especial de 75º), para além de uma mesinha com 2 ‘artigos de decoração’ oferta da casa. No final a cozinheira D. Fátima foi ovacionada e levou um beijinho do Gil o que é sinal de agrado geral.
Sempre a pé (o Octávio alijou parte da carga e conseguiu levar todos os verdadeiramente lesionados), seguimos para a visita cultural à Cripta Arqueológica do castelo de Alcácer, sendo que o nosso guia aproveitou o trajecto para nos chamar a atenção para vários monumentos como uma igreja com portal românico, um fórum romano, as muralhas da cidade antiga, etc. E mesmo assim ficou muita coisa para ver no 2º maior concelho de Portugal em dimensão geográfica:
Alcácer do Sal
À chegada dividimo-nos em 2 grupos: enquanto um fazia a visita guiada à Cripta, o outro seguia o Rui Damião num percurso também cultural pela pousada e castelo, trocando depois. A Andreia e o Luís Arruda foram os guias simpáticos e profissionais que nos acompanharam nas visitas à Cripta. 
E já com cerca de 1 hora de atraso em relação ao planeado, fomos tomar o habitual chazinho na pastelaria Conventual onde os bolos caseiros da D. Maria nos aconchegaram para o caminho de regresso.
Até dia 22! Não se esqueçam que é a do Rogério! E do Carnaval!

Mreis/Cpenedo

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

* * *Convocatória . 11ª Caminhada da Época 2016 / 2017* * * Rota do Senhor dos Mártires . Alcácer do Sal . 8 de Fevereiro

Estão todos os Caminhadeiros convidados a participar na 11ª caminhada desta época a realizar em Alcácer do Sal.
Programa:
09h00 – Concentração no parque de estacionamento da margem sul (esquerda) do Sado, junto ao Passeio do Sado, marginal que dá para o cais fluvial e ponte pedonal, frente à cidade de Alcácer do Sal.
Coordenadas GPS:
38º22’10.5”N 8º30’39.9”W ou 38.369579 – 8.511091
09h30 – Início da caminhada – cerca de 12 kms – dificuldade média / baixa
13h00 – Almoço (deslocação a pé até ao restaurante)
15h30 – Visita Cultural
17h00 – Chá
A caminhada é circular com início e fim no ponto de concentração, tem uma pequena subida no início da parte urbana, após o que sairemos para um trilho rural voltando depois a descer para a cidade.
O uso de bastão é dispensável, mas opção é de cada Caminhadeiro. Boa altura para usar o colete reflector, porque vamos caminhar uma parte em estrada.
Não se esqueçam da máquina fotográfica, porque este percurso oferece paisagens dignas de registo.
Como Chegar:
Cerca de 90 kms – 1 hora
De Lisboa pela A2 em direcção ao Algarve, saída 8 para Alcácer do Sal, Av. José Saramago em direcção ao centro de Alcácer, na rotunda do Largo 25 de Abril sair para passar a ponte, e logo a seguir virar à direita para a zona da marginal fluvial (Passeio do Sado).
Como de Costume, agradece-se que as inscrições sejam formalizadas até às 24h00 de Domingo dia 5 de Fevereiro.
Saudações Caminhadeiras em passada emparelhada,

Carlos Penedo / Manuel Reis

ATENÇÃO – Esta não é a caminhada do Carnaval. A do próximo dia 22 é que será a caminhada do Carnaval, organizada como sempre pelo Rogério.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

* * * * * * * * 10ª Caminhada da Época 2016 / 2017 * * * * * * * Em Direcção aos Moinhos da Serra da Aboboreira (Livramento) ________________Dia 25 de Janeiro________________




Álbuns de Fotografias
Luis Martins
Ceu Fialho
Luz Fialho
Dores Alves
Data da Caminhada: 25/01/2017
Local: Livramento e Arredores
Percurso: 9,5 km - 03h00
Caminhantes: Ana Cristina Umbelino, Ana Leão, Angelina Martins, António Palma, Carlos Evangelista, Carlos Penedo, Céu Fialho, Cidália Marta, Clara Maia, Cristina Archer, Dores Alves, Estela Garcia, Fátima Libânio, Fortunato Sousa, Gil Furtado, Gilberto Santos, Graça Sena, Hélia Jorge, João Duarte, João Figueiredo, José Clara, José Marques, Júlia Costa, Lina Fernandes, Lúcio Libânio, Luis Fernandes, Luis Martins, Lurdes Clara, Manuel Barbosa, Manuel Floxo, Manuel Garcia, Manuel Reis, Maria do Céu, Miguel Cardoso, Odete Vicente, Pedro Albuquerque, Quinita Sousa, Rogério Matias, Rosa Silva, Teresa Palma e Vítor Gonçalves.
Não Caminhantes: Luz Fialho e Manuel Pedro
Organizadores: Angelina Martins e Luis Martins
Almoço: Restaurante Erva Doce – Livramento
Próxima Caminhada: Alcácer do Sal (Organização de Manuel Reis e Carlos Penedo
Reportagem: O dia prometia ser fresquinho dada a quantidade de geada que envolvia os campos na viagem de Lisboa (e não só) ao Livramento. Ao chegarmos até nem estava muito mau ou talvez fôssemos aquecidos pelo nosso entusiasmo no começo de mais uma caminhada.
Desta vez num sítio já, para alguns, bem conhecido.
Pelas 9h30, após chegada de todos os alegres e mais ou menos embarretados participantes, lá começámos a caminhar em direcção ao ponto mais alto da freguesia de Azueira: a Serra da Aboboreira.
O início da caminhada foi de baixa dificuldade, por caminhos rurais entre quintas e propriedades que circundam a vertente oeste da vila, e a maior dificuldade, como se previa, foi a íngreme subida da serra até aos moinhos. Deste belo miradouro natural conseguimos identificar muitos pontos na paisagem que já foram palco de outras belas caminhadas efectuadas por este simpático grupo de jovens.
Vencido este obstáculo a restante caminhada foi-se fazendo sem grandes problemas de maior. O passeio terminou à hora prevista, estando a D.Susana (do Restaurante Erva Doce) já posicionada para nos servir o almoço. Penitenciam-se aqui os organizadores por não ter sido previsto o arranjo atempado do ar condicionado com temperatura de 28 graus, pelo menos. Mas fica para a próxima! Parece-nos, contudo, que com a continuação do almoço, a temperatura acabou por subir alguns grauzitos, pelo menos a animação não faltou.
No final do repasto, já com a temperatura corporal mais confortável, foram sorteadas 3 peças surpresa oferecidas pelos organizadores, cujos contemplados foram: Júlia Costa, Manuel Barbosa e Kinita. O pregoeiro bem tentou desviar a sorte do sorteio, mas os nomes dos participantes anunciados à primeira vez eram fictícios, não constando por isso da lista de participantes.
Às 15h00, como também estava previsto, efectuámos a visita ao Atelier ‘Móveis d’Arte Canhoto’ do sr.Firmino Adão Canhoto e Filhos onde fomos recebidos por ele e por sua filha D.Carla, e onde nos foi dado o prazer de (re)ver a sua arte e o seu amor pelo trabalho em madeira. O nosso muito obrigado a ambos pela simpatia, amabilidade e informação. Agradecemos também o presente com que nos brindou e que foram quatro peças musicais executadas, duas, com acordeão e outras duas com gaita de foles.
O habitual chá e bolinhos caseiros foram servidos já no ambiente mais quentinho da sala de almoço do Restaurante Erva Doce. Seguiram-se as despedidas e como sempre os votos de nos tornarmos a ver, o mais tardar, em Alcácer do Sal daqui na 15 dias.
Até lá … não se esqueçam de ter saúde e de serem felizes…….

Angelina e Luis

P.S. Alguns esclarecimentos a dúvidas surgidas quanto à identidade de Livramento e Azueira estarão à vossa disposição nos comentários a esta caminhada.

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

* * *Convocatória - 10ª Caminhada da Época 2016 / 2017* * * Em Direcção aos Moinhos da Serra da Aboboreira (Livramento) ________________Dia 25 de Janeiro________________

Estão todos os Caminhadeiros convidados a participar na 10ª desta Época, que se realizará em terras do Oeste, mais precisamente no Livramento, concelho de Mafra.
 Programa:
09h00 – Concentração junto ao Sporting Clube do Livramento e do Restaurante Erva Doce.
(GPS N 39 º 00’ 12.58 – O 9º 17’ 11.47).
09h30 – Início da caminhada – cerca de 9km – grau de dificuldade 2 em 5
13h00 – Almoço
15h00 – Visita cultural
17h00 – Chá
Como chegar:
- Quem vem de Lisboa pela A8: sair na Saída 5 (Ericeira, Mafra e Malveira) entrando na A21. Sair na Saída 2 desta AE e seguir na direcção de Torres Vedras pela N8; cerca de 10Km depois, em Carrascal, após passagem pela Adega Cooperativa da Azueira, no cruzamento após os semáforos, virar à esquerda em direcção ao Livramento (EM 551).    
- Quem vier pelo lado de Torres Vedras pela A8 deve sair na Saída Sul da mesma AE (Saída 7) e entrar na N8 em direcção a Lisboa; cerca de 10 km depois, em Carrascal, a seguir às bombas da Galp, virar à direita para o Livramento (EM 551).
- Quem vier de Mafra deve seguir a estrada para a Encarnação; após meia dúzia de kms há uma placa virada para a direita dizendo Sobral e Livramento. É segui-la até ao Livramento.
Ao chegar ao Livramento estacionar nas imediações do Pavilhão do Sporting Clube do Livramento e do Restaurante Erva Doce.
O uso de bastão é aconselhável em alguns troços do percurso.  
Como é costume agradece-se que as inscrições sejam formalizadas até ao fim do domingo dia 22 de Janeiro.
Saudações caminhadeiras em passada saloia.
Angelina e Luis